Notícias › 29/08/2019

Morre o cardeal Achille Silvestrini

cq5dam-thumbnail-cropped-750-422-4

Uma vida a serviço da Igreja e do Papa. O cardeal Achille Silvestrini, prefeito emérito da Congregação para as Igrejas Orientais faleceu nesta quinta-feira (29) em Roma aos 95 anos.

Dedicado às pessoas, e principalmente aos jovens, mais do que a documentos, durante muitas décadas cumpriu com escrúpulo e rigor encargos diplomáticos para a Santa Sé. Foi estreito colaborador dos secretários de Estado Domenico Tardini e Amleto Giovanni Cicognani, acompanhava o arcebispo Agostino Casaroli no período da “Ostpolitik” (relações da Alemanha Oriental com os países ocidentais) e guiava negociações com as autoridades italianas para a revisão do Tratado de Latrão.

O cardeal Achille Silvestrini, nasceu em Brisighella na Toscana, em 25 de outubro de 1923, aos 19 anos entrou no Seminário Diocesano. Em 1948 em Roma, inscreveu-se no Pontifício Seminário para os estudos jurídicos de Santo Apolinário e frequentou a Pontifícia Universidade Lateranense para entrar no Serviço Diplomático da Sessão de Assuntos Eclesiásticos extraordinários da Secretaria de Estado.

Nova composição do Colégio Cardinalício

O cardeal Achille Silvestrini não era eleitor. Com a sua morte o Colégio Cardinalício fica composto por 215 cardeais dos quais 118 eleitores num eventual conclave e 97 não eleitores.

Via Vatican News